Páginas

segunda-feira, 28 de junho de 2010

***Alfabetização fônica****

Artigo do site scielo, o melhor site de Artigos Científicos e Acadêmicos em Educação, vale a pena conferir...
na íntegra:http://www.scielo.br/pdf/%0D/prc/v16n3/v16n3a08.pdf


Acredito que nós alfabetizadores temos a obrigação de aprendermos sobre os vários métodos de alfabetização e aplicar em sala quando necessário....depois de uma conversa que tive ontem com a Meire, uma amiga e uma mãe cuidadosa com seu filho que estava com dificuldades na leitura e compreensão das palavras, cheguei a conclusão que nós professores devemos sim ser um canal de mediação com argumentação teórica e ajudando aos pais nessa parceria!!!


Consciência Metalingüística e Alfabetização:
Um Estudo com Crianças da Primeira Série do Ensino Fundamental

grifo meu( Tanto se fala de alfabetização e os vários métodos aplicados em sala de aula, porém um método que uso com meus alunos do Jardim II e que tem dado resultado é o método descrito abaixo....


Consciência Fonológica
De forma genérica o termo consciência fonológica
tem sido utilizado para referir-se à habilidade em analisar
as palavras da linguagem oral de acordo com as diferentes
unidades sonoras que as compõem. Operacionalmente, a
consciência fonológica tem sido estudada a partir de provas
visando avaliar a habilidade do sujeito, seja para realizar
julgamentos sobre características sonoras das palavras
(tamanho, semelhança, diferença), seja para isolar e manipular
fonemas e outras unidades supra-segmentares da fala, tais
como sílabas e rimas.

Assim, o fato das sílabas serem as unidades lingüísticas
naturalmente isoláveis no contínuo da fala, parece ser o
principal fator responsável pela elaboração de uma hipótese
silábica anterior à hipótese alfabética no processo de aquisição
da linguagem escrita, conforme descrito por Ferreiro e
Teberosky (1986). Entretanto, a habilidade de análise
segmental ao nível fonêmico continua sendo decisiva no
domínio da escrita alfabética, uma vez que a aprendizagem
desta supõe o domínio de regras de associação entre
grafemas e fonemas, sendo necessário, portanto, isolar estes
últimos para poder representá-los através das letras.

Consciência Lexical
A consciência lexical diz respeito à habilidade para
segmentar a linguagem oral em palavras, considerando tanto
aquelas com função semântica, ou seja, que possuem um
significado independente do contexto (tais como os
substantivos, adjetivos, verbos), quanto aquelas com função
sintático-relacional, que adquirem significado apenas no
interior de sentenças (conjunções, preposições, artigos). Para
isso, é necessário que a criança tenha estabelecido critérios
gramaticais de segmentação da linguagem, o que parece
ocorrer de forma sistemática apenas por volta dos 7 anos de
idade. Antes disso, pode-se afirmar que, embora as crianças
sejam capazes de produzir e compreender enunciados, seu
conhecimento lexical é implícito e inconsciente (Ehri, 1975).

a) Avaliação da Consciência Fonológica
O instrumento utilizado para avaliar o nível de
consciência fonológica foi elaborado pelas pesquisadoras,
com base na prova de consciência fonológica proposta por
Rego (1995) e consistiu em duas tarefas de identificação de
palavras compartilhando o som inicial (aliteração) e final
(rima)
Na primeira tarefa, as crianças deveriam identificar, dentre
três palavras apresentadas por meio de figuras (para controlar
a influência do fator memória), as duas palavras que
começavam com o mesmo som. Na segunda tarefa, deveriam
identificar entre três palavras, também apresentadas por
figuras, as duas palavras que rimavam. Cada tarefa era
composta por oito itens, precedidos de dois itens de
treinamento, nos quais a criança recebia explicações e feedback
de suas respostas, sendo atribuído um ponto para cada
resposta correta, num total de 16 pontos. Exemplos:
Aliterações Rimas
bolo/boné/pato sino/faca/boca
morango/galinha/garrafa torneira/macaco/cadeira


Agora....como aplicar essa teoria toda em sala??/eis a questão:

Sugiro que leve visuais coloridos e que atraiam a atenção dos alunos como:

Alfabetização fônica:alfabetizando coma as boquinhas...




Entre aqui para baixar uma apostila de Alfabetização do Método Fônico:

http://www.4shared.com/document/Q2ilys9K/Alfabetizao_mtodo_fnico_comple.html?cau2=403tNull

Aqui estão algumas atividades que retirei do blog:

http://espacoeducar-liza.blogspot.com/search/label/Alfab.%20F%C3%B4nica







beijinho da Tia Amandinha

3 comentários:

  1. Olá, como eu amo o seu blog, o indiquei para receber o prêmio da Sunshine Award, passa lá no meu para saber de mais detalhes.
    Bjs carinhosos!
    Rita Rocha

    www.euevcfazendoarte.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Adorei o seu blog e os artigos sobre alfabetização fônica, se falar nas sugestões de atividades tbém são ótimas, gostaria de receber algumas dicas sobre alfabetização no meu e-mail...abraços......

    ResponderExcluir
  3. Fui alfabetizada por esse método e nunca me esqueci da professora sentando com a gente todos os dias falando os sons das letras. Na primeira série já lia fluentemente. Estava perdida em como alfabetizar alguns alunos e achei a solução aqui em seu blog, pois aprendi assim mas não sabia como poderia trabalhar em sala.
    Obrigada por compartilhar as atividades!
    Abraço...

    ResponderExcluir

Ocorreu um erro neste gadget